Imprimir esta página

Quando confiamos assumimos decisões que envolvem mais riscos. Mas confiança e risco são apenas duas faces da mesma moeda. Além disso, quando confiamos aceitamos que dependemos uns dos outros enquanto procuramos um objetivo comum. Ao confiarmos somos mais rápidos, não perdemos tempo com aquilo que não interessa e ficamos mais focados. Em suma, temos grandes oportunidades para entregarmos mais resultados com aquilo que fazemos. Se assim é, a primeira pergunta a fazer será – as nossas equipas confiam nos nossos líderes?

Caso seja um líder verifique como a sua equipa responderia a cada uma destas três características:

Capacidade – competência, conhecimento, experiência e resultados obtidos no passado;

Integridade – princípios sólidos, honestidade, confiável;

Lealdade - preocupa–se com as pessoas, valoriza a relação interpessoal, faz a manutenção da confiança entre nós.

Pode parecer muito, e na verdade é! Por onde pode começar? Invista tempo em conversas autênticas com a sua equipa. Mantenha-se sereno e saiba escutar aquilo que lhe dizem. Seja congruente,  alinhe aquilo que diz com aquilo que pensa e sente. Se não o fizer mais tarde ou mais cedo as pessoas vão perceber isso. Assuma compromissos no final destas conversas e faça acontecer o que diz.

 

Relacionados

“About Teams? Many function beautifully; many others fail miserably. Few are in the middle." - J. Richard Hackman

"‘To create your culture you must identify what you stand for and what you want to be known for." - Jon Gordon

Inicie sessão